Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Cresce o número de empresas constituídas no último trimestre de 2020

Publicação:

cresce número de empresas
A isenção temporária das taxas também beneficiou os micro e pequenos empresários que estavam na informalidade.

Em outubro do ano passado a JucisRS, vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo, anunciou a dispensa por 90 dias da cobrança de taxa de serviços para a criação de novas empresas. 

A Sedetur, divulgou um comparativo do último trimestre de 2020 em relação a igual período do ano anterior. Os números são positivos e atribuídos a dispensa da taxa que se encerra no dia 26 de janeiro de 2021.

O percentual na constituição de empresário entre os meses de outubro e dezembro apresentou aumento de 1,84% em comparação a 2019. Já o número de LTDA (Sociedade de Responsabilidade Limitada) constituídas neste período foi de quase 90% a mais que no ano anterior.

Crescimento também na constituição de cooperativas. O número é 20% superior a 2019.

“Nosso papel é contribuir ainda mais com quem deseja empreender neste momento de pandemia. Por isso, buscamos alternativas, programas e incentivos. A isenção da taxa é um exemplo e ficamos muito satisfeitos com os números. Com a isenção mais de 1 milhão de reais ficaram na economia gaúcha”, destacou o secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Rodrigo Lorenzoni.

A isenção temporária das taxas também beneficiou os micro e pequenos empresários que estavam na informalidade.

“Nós sabemos que muitos micro e pequenos empresários estavam na informalidade. Essa iniciativa proporcionou aos informais que formalizassem suas empresas, aumentando a renda e o número de empregos no Estado”, acrescentou a presidente da JucisRs, Lauren Momback.

De acordo com os dados divulgados somente o formato Eireli (Empresa Individual de Responsabilidade Limitada), houve uma queda de 24,72%.

Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo