Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Secretaria divulga link para primeira Jornada de Regionalização do Turismo

Publicação:

Card Detur
Card Detur

A secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo do Rio Grande do Sul divulgou o link da sala virtual onde acontecerá primeira Jornada de Regionalização do Turismo. O tema do encontro, que acontece nesta quinta-feira (3), a partir das 9h30min é “Benchmarking: Modelos de Regionalização - IGRs gaúchas”. A entrada é gratuita. Para ingressar no evento, basta instalar o aplicativo Cisco Webex e acessar o endereço: http://bit.ly/JornadaRegionalizacaoTurismo

Simple, modern video meetings for everyone on the world's most popular and trusted collaboration platform.
bit.ly

(Número da reunião : 173 523 8543 Senha da reunião: Turismo2020).
.

A temática de setembro apresentará modelos já consagrados de regionalização, representados pelas regiões da Costa Doce, Terras Encantadas, Uva e Vinho e Vale do Taquari. Estão previstas mais três reuniões até o final do ano, uma por mês.

“A finalidade da série de apresentações é disseminar práticas exitosas em diferentes regiões para fortalecer os destinos do Estado”, explica o secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Rodrigo Lorenzoni.

As jornadas
03/9 - Benchmarking: Modelos de Regionalização - IGRs gaúchas
08/10 - Protocolos de segurança no Rio Grande do Sul: experiências bem-sucedidas no segmento do Turismo
12/11 - Projetos para a retomada do Turismo no Rio Grande do Sul em 2021
10/12 - As regiões turísticas do Rio Grande do Sul e a preparação dos municípios para a atualização do Mapa Brasileiro do Turismo.

Programa de Regionalização do Turismo (PRT)
Lançado em 2004, o Programa de Regionalização do Turismo trabalha a convergência e a interação de todas as ações desempenhadas pelo Ministério do Turismo com estados e municípios brasileiros. Seu objetivo principal é o de apoiar a estruturação dos destinos, a administração e a promoção do turismo no país.

A ideia da iniciativa é ter uma gestão descentralizada em que se unam os esforços do poder público, do privado e da sociedade civil. Isso ocorre através da Rede Nacional de Regionalização, fonte de compartilhamento de experiências, intercâmbio, informação e inovação. Ela é composta por interlocutores em cada Unidade da Federação e ligados à atividade turística. São eles que recebem as orientações do Ministério do Turismo para o planejamento, implementação, acompanhamento e avaliação das ações do PRT em âmbitos estadual, regional e municipal, denominadas Instâncias de Governanças Regionais.

Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo